O sofrimento psíquico do profissional de enfermagem da unidade hospitalar

Autores/as

  • Glaudston Silva de Paula Universidade Federal Fluminense
  • Julia Fontes-Reis Centro Universitário Plínio Leite
  • Luciana da Conceição-Dias Centro Universitário Plínio Leite
  • Virgínia Faria Damásio-Dutra Centro Universitário Plínio Leite
  • André Luiz de Souza-Braga Universidade Federal Fluminense
  • Elaine Antunes-Cortez Universidade Federal Fluminense

Palabras clave:

Enfermagem, saúde mental, saúde do trabalhador, estresse psicológico, ambiente de trabalho. (Fonte, DeCs, BIREME).

Resumen

DOI: 10.5294/aqui.2010.10.3.7

A equipe de enfermagem muitas vezes não percebe os problemas de saúde ao qual esta exposta. O objetivo do trabalho foi identificar as condições de trabalho que levam o profissional de enfermagem da unidade hospitalar ao sofrimento psíquico, para que a partir desta, possam surgir estratégias de mudanças a fim de obtermos melhoria nas condições de trabalho e consequentemente na saúde física e mental do profissional. Esta pesquisa configura-se descritiva explicativa exploratória, com uma abordagem qualiquantitativa, realizada através de pesquisa de campo, no Hospital e Maternidade Luiz Palmier, onde entrevistamos profissionais técnicos de enfermagem e enfermeiros do setor hospitalar, através de um questionário com questões abertas e fechadas. Na análise de dados, os resultados nos mostraram que o profissional em questão está satisfeito, realizado, com um a relação interpessoal satisfatória com a Chefia. O resultado, apesar da satisfação, aponta que a visão do profissional técnico mediante a teu superior é de maneira inadequada. Apesar dos resultados, da visão distorcida, forjada pela inexistência de conceitos como Gerência e Chefia, os profissionais atuam com o espírito da Enfermagem: o cuidar. DOI: 10.5294/aqui.2010.10.3.7

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.

Biografía del autor/a

Glaudston Silva de Paula, Universidade Federal Fluminense

Enfermeiro. Aluno especial do Mestrado Acadêmico em Mestrado Acadêmico em Ciências do Cuidado da Saúde na Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Federal Fluminense. Niterói, Rio de Janeiro, Brasil. glaudston.silva@bol.com.br

Julia Fontes-Reis, Centro Universitário Plínio Leite

Enfermeiro graduado pelo Centro Universitário Plínio Leite, Niterói, Rio de Janeiro. juliafontes@msn.com

Luciana da Conceição-Dias, Centro Universitário Plínio Leite

Enfermeiro graduado pelo Centro Universitário Plínio Leite, Niterói, Rio de Janeiro. juliafontes@msn.com

Virgínia Faria Damásio-Dutra, Centro Universitário Plínio Leite

Doutoranda em Saúde Pública. Mestre em Saúde Mental. Professora do Centro Universitário Plínio Leite, Niterói, Rio de Janeiro, Brasil.
virginia.damasio@gmail.com

André Luiz de Souza-Braga, Universidade Federal Fluminense

Mestre em Ensino de Ciências da Saúde e do Ambiente. Professor Assistente da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro, Brasil. andre.braga@globo.com

Elaine Antunes-Cortez, Universidade Federal Fluminense

Doutora em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professora Adjunta da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro. nanicortez@hotmail.com

Descargas

Cómo citar

Silva de Paula, G., Fontes-Reis, J., Conceição-Dias, L. da, Damásio-Dutra, V. F., Souza-Braga, A. L. de, & Antunes-Cortez, E. (2010). O sofrimento psíquico do profissional de enfermagem da unidade hospitalar. Aquichan, 10(3). Recuperado a partir de https://aquichan.unisabana.edu.co/index.php/aquichan/article/view/1744

Número

Sección

Artículos