Rede social e virtual de apoio ao adolescente que convive com doença crônica: uma revisão integrativa

Autores/as

  • Gabriela Silva dos Santos Universidade Federal Fluminense/ Niterói-Rj, Brasil
  • Cláudia Mara de Melo Tavares Universidade Federal Fluminense/ Niterói-Rj, Brasil
  • Rejane Eleuterio Ferreira Universidade Federal Fluminense/ Niterói-Rj, Brasil
  • Cosme Sueli de Faria Pereira Universidade Federal Fluminense/ Niterói-Rj, Brasil

Palabras clave:

Rede social, apoio social, enfermagem, doenças crônicas, adolescentes

Resumen

Objetivo: identificar o papel do enfermeiro na rede social e virtual de apoio aos adolescentes que convivem com o diagnóstico dedoença crônica. Metodologia: trata-se de uma revisão integrativa, realizada na base de dados: MEDLINE, LILACS e BDENF, no período dejunho a novembro de 2013, com artigos indexados a partir de 2008 até 2013 e os descritores: “enfermagem”, “apoio social”, “adolescentes”,“doenças crônicas” e “rede social”. Resultados: os artigos descrevem que o apoio social de forma direta aos portadores de doençascrônicas ou por meio do apoio que os pais recebem, afetará positivamente no estado de saúde do portador. Conclusão: o enfermeirodeve estar preparado para fornecer o apoio necessário às famílias e ao portador de doença crônica com o objetivo de melhorar a saúde dopaciente. Esse apoio por meio das redes sociais virtuais é um novo método que vem conquistando espaço e trazendo grandes benefíciospara esses pacientes e seus familiares.

 

DOI: 10.5294/aqui.2015.15.1.7

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.

Descargas

Publicado

2015-04-25

Cómo citar

Santos, G. S. dos, Tavares, C. M. de M., Ferreira, R. E., & Pereira, C. S. de F. (2015). Rede social e virtual de apoio ao adolescente que convive com doença crônica: uma revisão integrativa. Aquichan, 15(1). Recuperado a partir de https://aquichan.unisabana.edu.co/index.php/aquichan/article/view/3852

Número

Sección

Artículos